Condicionamento de energia e grupos geradores

Edição 106 – Novembro de 2014

Equipamentos de condicionamento de energia e grupos geradores

Expectativa de crescimento para 2013 era de 21%, mas empresas do segmento apresentaram elevação de apenas 10% no ano passado. A desaceleração da economia sobressaiu como fator que influencia negativamente o mercado.

Os fabricantes e distribuidores de equipamentos de condicionamento de energia e grupos geradores projetavam um alto crescimento (21%) de suas empresas no ano de 2013 em comparação a 2012, segundo pesquisa realizada pela revista O Setor Elétrico no ano passado. Isto, de fato, não ocorreu. Conforme levantamento deste ano, o crescimento apresentado foi de apenas 10%. Talvez por isso, a projeção das companhias para o seu desenvolvimento em 2014 ante 2013 não seja tão otimista, esperando crescer, em média, 16%. A previsão de crescimento percentual do tamanho anual total do mercado manteve-se praticamente a mesma. Para este ano, as empresas projetam acréscimo de 12%. No ano passado, a expectativa era de 13%.

Em relação aos fatores que motivam e devem influenciar o crescimento deste mercado, a opinião da maioria dos entrevistados continua semelhante de um ano para o outro. Em 2013, 29% indicavam os projetos de infraestrutura como acontecimento mais relevante. Em 2014, 25% das empresas da área apresentaram este fator como importante. No entanto, se no ano passado a desaceleração da economia brasileira não incomodava muita gente – apenas 8% apontaram esse fator como de grande influência -, neste ano 22% dos fabricantes e distribuidores de nobreaks, baterias e geradores disseram como o fraco desempenho econômico do país deve ser impactante.

Não obstante o baixo crescimento das empresas do segmento no ano passado em relação à expectativa de ascensão para o mesmo período, o faturamento bruto anual das empresas em 2013 se manteve estável. No ano de 2012, 46% das companhias entrevistadas pela pesquisa da revista afirmaram faturar entre R$ 10 milhões e R$ 50 milhões. No levantamento realizado este ano, 44% das empresas questionadas declararam ter faturado este montante no ano de 2013.

Clique aqui para fazer o download da pesquisa na íntegra.

Atualizado em 7 de junho de 2021 por Redação

Política de Privacidade
When you visit our website, it may store information through your browser from specific services, usually in form of cookies. Here you can change your privacy preferences. Please note that blocking some types of cookies may impact your experience on our website and the services we offer.
O Setor Elétrico