Produtos e sistemas de iluminação

Edição 115 – Agosto de 2015

Led será a principal fonte de luz em até cinco anos

A projeção é dos consumidores de produtos e sistemas de iluminação que participaram da pesquisa publicada a seguir. Para os mesmos usuários, a qualidade dos produtos disponíveis no mercado brasileiro é apenas satisfatória.

Que o Led é a iluminação do futuro ninguém duvida, mas na opinião dos consumidores – representados nesta pesquisa por projetistas, instaladores, revendedores e empresas de manutenção e consultoria –, isso deve acontecer em um futuro bastante próximo. Para 50% deles, o Led será a principal fonte de luz em até cinco anos. Para se ter uma ideia, para 94% desses usuários, o Led é a principal lâmpada comprada e/ou especificada, seguida pelas lâmpadas fluorescentes tubulares (71%) e a vapor metálico (65%). As incandescentes perdem cada vez mais mercado, tendo sido citadas por apenas 24% dos pesquisados.

Mesmo com a retração do mercado, 53% dos consumidores estimam investimentos na compra e/ou especificação de produtos e sistemas de iluminação de até R$ 1 milhão neste ano de 2015. 6% deles planejam investir entre R$ 10 milhões e R$ 50 milhões neste segmento. O resultado mostra confiança diante de um mercado que vem sendo afetado pelo cenário econômico negativo atual. Segundo os fabricantes e distribuidores desses produtos, a desaceleração da economia brasileira e o refreamento do setor da construção civil são os principais impeditivos para o crescimento deste setor.

Outro ponto importante desta pesquisa diz respeito à qualidade dos produtos e sistemas disponibilizados no mercado brasileiro. Para a maior parte dos consumidores (71%), a qualidade dos produtos é meramente satisfatória, com notas 6 e 7. Apenas 29% deram notas 8 e 9 a este quesito. Sobre este assunto, a boa notícia é que o Inmetro deverá publicar em breve uma portaria que determina os requisitos para a avaliação da conformidade compulsória de luminárias com lâmpadas de descarga e Led para iluminação pública viária. A medida deve contribuir para a promoção da gestão da segurança energética no país, considerando que estes produtos apresentam requisitos mínimos de desempenho e segurança. O Inmetro deverá publicar a portaria com os requisitos ainda neste ano de 2015. Vale lembrar que, em março deste ano, o Inmetro publicou uma portaria que institui a certificação compulsória para as lâmpadas de Led com dispositivo integrado à base. As empresas fabricantes têm até a data limite de 13 de dezembro de 2015 para adequar seus produtos à nova regulamentação. No que se refere à comercialização, as empresas deverão, a partir de 13 de junho de 2016, já estarem adequadas aos novos produtos, de acordo com a portaria do Inmetro.

 

Clique aqui para fazer o download da pesquisa na íntegra.

Atualizado em 13 de agosto de 2021 por Simone Vaiser

Política de Privacidade
When you visit our website, it may store information through your browser from specific services, usually in form of cookies. Here you can change your privacy preferences. Please note that blocking some types of cookies may impact your experience on our website and the services we offer.
O Setor Elétrico