Energia

Sobretensões Atmosféricas em Redes de Baixa Tensão

por Alexandre Piantini* Este trabalho apresenta os principais mecanismos através dos quais as descargas atmosféricas podem gerar distúrbios eletromagnéticos em redes de distribuição de baixa tensão.   I – INTRODUÇÃO A proliferação de equipamentos e dispositivos eletrônicos sensíveis a interferências, o crescimento do nível de exigência dos consumidores e os prejuízos decorrentes de problemas de qualidade de energia têm enfatizado a importância de se conhecer as características dos distúrbios em redes de baixa tensão. Em função da baixa suportabilidade das…

Mais respeito aos consumidores da geração distribuída

Você já tentou cancelar pela internet ou por telefone um serviço contratado? O processo foi rápido e simples? Não é raro o consumidor ter uma experiência ruim quando tenta finalizar um contrato ou mudar de fornecedor. Dificultar ou atrasar a livre escolha do consumidor é prática ainda recorrente, apesar de completamente reprovável, entre algumas operadoras de serviços, gerando reclamações e muita dor de cabeça aos clientes. Algo muito parecido está ocorrendo no setor elétrico com os consumidores que tentam conectar…

Iluminação e economia de energia além da tecnologia

Dando sequência a esta série sobre o tema iluminação, neste artigo, iremos tratar das oportunidades de economia de energia de diversas maneiras que hoje, por algum motivo, nos passam desapercebidas, ou que por força do hábito ou de convenções, deixamos de lado. Muitas vezes, ações simples contribuem significativamente para a economia de energia, não somente em grandes cidades e utilizando tecnologia de telegestão, buscando a integração de uma cidade inteligente e adequada ao cidadão, mas também para o segmento privado…

Acelerando a Fonte Solar Fotovoltaica no Mercado Livre de Energia (ACL)

Durante anos, a expansão da geração na matriz elétrica brasileira se deu de forma exitosa, por meio de leilões regulados de energia, voltados ao atendimento do mercado cativo (ambiente de contratação regulada – ACR) do Brasil. Tal êxito na expansão se deve, em grande medida, às regras claras dos leilões e à garantia de menor preço ao consumidor, impulsionadas pela alta competitividade destes certames. Surpreendentemente, o atendimento da demanda da matriz manteve-se equilibrado, também, devido à retração econômica do Brasil….

A transição energética avança

O setor energético mundial passa por importantes transformações, com o advento de novas tecnologias e crescente preocupação com o aquecimento global. A transição energética é um amplo movimento internacional que tem repensado a forma de gerar e consumir energia e eletricidade, com profundas mudanças no setor elétrico e implicações políticas, econômicas e sociais para a humanidade. As redes elétricas inteligentes – Smart Grids –, já  em teste em diferentes regiões do Brasil, permitirão uma gestão mais eficiente da distribuição e…

Energia solar fotovoltaica já atinge todas as faixas de renda

A tecnologia solar fotovoltaica, sobretudo, na geração distribuída, é atualmente uma solução completa, que resolve, de uma só vez, uma série de desafios da sociedade contemporânea. Entre os principais atributos, estão a versatilidade, a escalabilidade, a rentabilidade e o desenvolvimento econômico, ambiental, social, energético e estratégico. Cada vez mais barata e acessível, a geração distribuída solar fotovoltaica tem impactado de forma ampla e positiva diferentes camadas da sociedade, com grande interesse e apoio de todas as classes sociais e econômicas….

Aprendizagem e competência no setor solar fotovoltaico

Por Siqueira Neto, Rodrigo Sauaia e Ronaldo Koloszuk*   Trabalhadores fotovoltaicos experientes não estão disponíveis em todos os mercados ou áreas geográficas do País, havendo uma demanda elevada no setor por mais profissionais capacitados. Por isso, as qualificações de profissionais vendedores, projetistas, instaladores e inspetores de comissionamento são estratégicas para o setor. É necessário um processo de capacitação contínua, que traga excelência nas áreas técnicas e comerciais. Há diversos cursos disponíveis no País, porém, de qualidades bastante variáveis. Uma empresa…

Um olhar sobre o armazenamento de energia em baterias, energias renováveis e eficiência energética para consumidores residenciais

por Jefferson A.C. Matias – Gerente de Projetos na SelEnergy Energias Renováveis, Especialista em Eficiência Energética em Mestre em Engenharia Elétrica pela Universidade Federal do Paraná (UFPR). Alexandre Rasi Aoki – Professor da Universidade Federal do Paraná e Coordenador do CE-C6 Sistemas de Distribuição e Geração Distribuída do Cigrè Brasil.   A oferta descentralizada de energia no Brasil, especificamente a solar fotovoltaica (FV), proporciona renovação na infraestrutura das redes de distribuição de energia, uma vez que, além de atender à…

Energia para ir em frente

Por Eng. José Starosta   Enquanto a Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) discute a RN 482/2012 em audiência pública presencial em Fortaleza e os impactos financeiros na geração distribuída (GD), o mercado como um todo dá sinais de começar a se mexer mesmo com retardamento dos prazos acima do esperado. No primeiro ponto, a constatação da Agência seria que o atual modelo definido pela resolução normativa deveria ser restrito à capacidade de cada distribuidora, sendo assim seria gerado um…

Financiamento para energia solar fotovoltaica: informação é ferramenta indispensável

Autores Camila Ramos – Diretora da CELA Clean Energy Latin America Rodrigo Sauaia – Presidente Executivo da ABSOLAR Ronaldo Koloszuk – Presidente do Conselho de Administração da ABSOLAR   A energia solar fotovoltaica tem apresentado taxas de crescimento expressivas no Brasil, ultrapassando a marca 2,5 GW de capacidade instalada em fevereiro de 2019. Mais da metade dos novos projetos entraram em operação em 2018. Apesar de ainda ser a 7ª fonte em potência instalada na matriz elétrica do País, o…