instalações elétricas

Novos requisitos de instalações elétricas marítimas “Ex” – Atualização da norma ABNT NBR IEC 61892-7

Foi publicada pela ABNT em 22/01/2020 a terceira edição da Norma Técnica Brasileira adotada ABNT NBR IEC 61892-7 –  Unidades marítimas fixas  e móveis – Instalações elétricas – Parte 7: Áreas classificadas. As normas da série ABNT NBR IEC 61892 representam uma “família” de normas técnicas brasileiras adotadas destinadas a garantir a segurança no projeto, instalação, manutenção e utilização de equipamentos elétricos para a geração, armazenamento, distribuição e utilização de energia elétrica para todas as finalidades em instalações marítimas que…

Manutenção? Isso custa caro. Será?

Gostaria hoje de abordar um tema bastante polêmico, que é  a  relação  entre o custo e o benefício de uma boa programação de manutenções para seus quadros e painéis elétricos, que, em verdade, fazem parte de um sistema muito mais complexo que é a instalação elétrica como um todo. Entendo que tão importante como construir corretamente uma instalação elétrica, baseada em conceitos normativos e em boas práticas de engenharia, também é a cultura da manutenção destas instalações. É necessário então…

Confiabilidade de instalações elétricas versus Ética

A confiabilidade de instalações elétricas depende de vários  aspectos. Em especial, precisamos dimensionar e especificar os equipamentos e a tipologia de  uma  instalação  elétrica   baseada no uso que se dará a ela, duração do período que uma falha pode interromper o funcionamento desta instalação (chamado de período de reparo) e, principalmente, a quantidade de falhas aceitável por intervalo de tempo, conhecida sigla em inglês como MTBF – Mean Time Between Failures, ou, em português, período médio entre falhas. Definido o…

CAPÍTULO II – Interpretação e aplicação da NR10: Segurança em Instalações Elétricas e Serviços com Eletricidade em atividades de manutenção de redes de telefonia e TV a cabo

Edição 169 – março de 2020. por Aguinaldo Bizzo de Almeida Clique aqui para fazer o download deste capítulo.   *Aguinaldo Bizzo de Almeida é engenheiro eletricista / Segurança do Trabalho; membro do GT / GTT NR10 (texto vigente); conselheiro do CREA SP – Câmara Especializada em Engenharia Elétrica e assessor técnico da Bancada dos Trabalhadores no GTT novo texto NR10.

Eletrodutos corrugados são imprescindíveis à segurança das instalações

Também conhecidos como conduítes, são os elementos que protegem os condutores elétricos contra influências externas, como choques mecânicos e agentes químicos Ao se abordar qualquer tema ligado à eletricidade, imediatamente, na sequência, o assunto deve ser segurança. Sem exceção, todos os itens que compõem uma instalação elétrica devem seguir normas e padrões a fim de evitar qualquer tipo de dano. Assim acontece também com os eletrodutos corrugados. Também conhecidos como conduítes, são os elementos que protegem os condutores elétricos contra…

Ruídos em alta frequência nas instalações elétricas

Em maio de 2017, abordávamos nesta coluna as questões associadas às supra harmônicas, definidas como ruídos ou distúrbios nos barramentos e redes elétricas na frequência industrial, porém com frequências entre 2KHz e 150kHz. O que se pode observar na contínua observação do tema está relacionado aos ruídos causados pelos disparos dos elementos semicondutores que estão presentes no controle dos dispositivos ligados à rede elétrica, como os retificadores em aplicação em corrente contínua ou aqueles associados aos inversores em aplicação de…

Aspectos do comportamento das fontes nas instalações elétricas

De uma forma geral, pode-se entender que as fontes elétricas nas instalações industriais, comerciais e mesmo as residenciais são os equipamentos destinados a alimentar as cargas elétricas presentes nestas instalações e que respondem pelos processos desenvolvidos. O transformador é a fonte mais conhecida; outras, são os geradores, UPS, transformadores  de separação, retificadores e outras fontes menores, as eletrônicas que são aquelas associadas aos equipamentos de utilização como as fontes chaveadas que compõem as cargas eletrônicas, ou drivers e mesmo os…

A sempre necessária confiabilidade das instalações elétricas. Estamos preparados?

O tema está sempre na agenda das áreas de geração, transmissão e distribuição de energia elétrica (GTD) que planejam suas estruturas e  investimentos em função de  conhecidos indicadores. Aspectos de disponibilidade dos sistemas, taxas de falha, tempo de reparo, tempo médio entre falhas e outros são previstos e medidos nos sistemas de suprimento como rotina básica de operação. Pelo lado dos consumidores, as instalações ou parte delas que contemplam cargas consideradas de “missão crítica”, normalmente merecem de seus responsáveis cuidados…

roberval-bulgarelli-200

Eletricidade estática em atmosferas explosivas – Riscos, controle e mitigação – Parte 02/05

2 – A geração da eletricidade estática em atmosferas explosivas Podem ser citados como exemplos de equipamentos instalados em atmosferas explosivas sobre os quais existe a preocupação sobre o risco de ignição devido à geração ou acúmulo de cargas eletrostática: tanques de armazenamento, vagões ou caminhões para transporte de materiais inflamáveis ou combustíveis, correias transportadoras, esteiras ou pontes rolantes, elevadores de canecas, contêineres ou equipamentos de processo ou tubulações fabricadas com materiais não metálicos (isolantes ou não condutivos), mangueiras fabricadas…